Seguidores

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Vice-prefeito de Luís Gomes, Luciano Pinheiro (PT), discordou do ato impositivo da prefeita Mariana Fernandes.

O vice-prefeito Luciano Pinheiro já não levanta a mão da prefeita Mariana Fernandes pela falta de palavra com os educadores do município.

O clima em Luís Gomes para prefeita Mariana Fernandes não tem sido tão brando após o decreto arbitrário obrigando os professores a participar da FENACUT, sob ameaça de corta o ponto e colocar falta.

Quem saiu em defesa dos professores foi o atual vice-prefeito Luciano Pinheiro do PT, que usou suas redes sociais para falar sobre o assunto. “Esclareço que o ato da prefeita Mariana Fernandes não representa a minha posição sobre o tema”. Relatou Luciano demonstrando sua insatisfação com a prefeita Mariana Fernandes que vem descumprindo com a palavra e compromissos com os professores.

Luciano Pinheiro (PT), vem a muito tempo discordando da gestão da prefeita Mariana Fernandes. O vice- prefeito em vários momentos tem se colocado ao lado da população e dos servidores municipais, principalmente dos professores.

Nas redes sociais o vice-prefeito abandona a gestão da prefeita Mariana Fernandes e diz que ninguém pode impor a participação dos professores nos eventos. “Acredito ser importante a participação de todos no evento cultural que muito orgulha o nosso povo, mas enxergo que a presença não pode ser um ato impositivo, como está colocado no artigo 4°, ao ameaçar punir aqueles que não querem ou já manifestaram a intenção de não participar, por entenderem que essa é uma forma legítima de protestar pelo não cumprimento de parte da Lei do Piso Salarial e não respeito a parte de acordos verbais feitos nos últimos dois anos por parte da gestão municipal”. Relatou Luciano Pinheiro

Para concluir o vice-prefeito alfineta a prefeita Mariana Fernandes alertando que o dialogo é o melhor caminho e que essa imposição dificulta muito a relação com os servidores municipais da educação. “Entendo que o documento (Decreto) de hoje torna ainda mais difícil a relação dos servidores da educação com a administração. Nunca devemos esquecer que o diálogo é necessário para tentar superar os problemas que temos”. Concluiu Luciano Pinheiro

A prefeita Mariana Fernandes não tem conseguido cumpri com sua palavra no tocante a sua gestão, tornando difícil o relacionamento com a população. Mariana tinha tudo para uma carreira política brilhante, poderia galgar pela sua juventude patamares além da fronteira da cidade de Luís Gomes, mas pela avaliação da sua gestão a prefeita talvez encerre sua curta carreira política após sair da prefeitura.

Do Jornal: Conversando com alguns professores, existe um temor muito forte de retaliação por parte da gestora, eles (Professores) acreditam que a prefeita irá cortar o ponto de quem não for participar do evento. “Nós iremos para nossas salas de aula durante a FENACUT, inclusive iremos informar aos alunos e seus pais, para que a prefeita não coloque falta e não corte nossos salários” relatou a professora que preferiu não ter seu nome citado.

*Jornal Folha Regional

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.