Seguidores

sábado, 21 de janeiro de 2017

MOSSORÓ-RN: Pedreiro baleado dentro de casa junto com o filho, morreu no Tarcisio Maia

Antônio Alves Marreiro de 44 anos, baleado dentro de casa nas Barrocas, morreu no Tarcísio Maia onde se encontrava internado há cinco dias.
Antônio Alves Marreiro de 44 anos de idade, residente na Rua Marechal Deodoro, nas Barrocas, morreu na manhã de hoje, 21 de janeiro, no Hospital Regional Tarcisio Maia em Mossoró, no Oeste do Rio Grande do Norte.

Ele foi baleado dentro de casa e há cinco dias estava internado, mas não resistiu

Histórico da Ocorrência:

Na madrugada do dia 16 de janeiro, Antônio Marreiro, juntamente com dois filhos, foram baleados dentro de casa. Um dos filhos, Anderson da Rocha Alves, de 18 anos de idade, que seria o alvo dos criminosos, morreu no local. Outro filho, Ericson Alves Marreiro de 16, sofreu um disparo na mão, foi socorrido juntamente com o pai.

Os criminosos quebraram a porta dos fundos e invadiram a casa, onde a família dormia e executaram “Anderson” com disparos de pistola Ponto 40 e de escopeta calibre 12.

Antônio Alves e seu filho Ericson, receberam atendimento no local e foram conduzidos para o Hospital Tarcisio Maia, por uma equipe do Samu.

Informaram a polícia, que todo mundo no bairro sabe quem que é o responsável pelo crime e segundo informações de familiares, o acusado chegou a dizer que o acerto era com Anderson. O pai dele e o irmão foram atingidos por acaso.

O caso envolve uma rixa antiga de Anderson com outro elemento que mora na mesma região da cidade. Eles viviam trocando ameaças.

*Fonte: O Câmera.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.