Seguidores

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Preso diz que pagou 2 mil reais para fugir de presídio no Rio Grande do Norte

Um preso tido como de confiança que ajudava nos serviços internos, identificado como Daniel da Silva Flor, disse que pagou 2 mil reais a um agente penitenciário para ter sua fuga facilitada no Centro de Detenção Provisória CDP de Potengi, na zona Norte de Natal. 

A fuga ocorreu no dia 18 de maio desse ano e segundo o detento que foi recapturado neste domingo, 12 de junho, a metade do valor foi feito através de transferência de uma conta bancária e o restante pago em mãos a o Agente Penitenciário. 

A revelação foi feita durante interrogatório do preso, à direção da Unidade Prisional, onde foi gravado um vídeo sobre a confissão do detento. Ele disse também que além de pagar propina para fugir, ainda comprou drogas para o agente penitenciário. 

O Secretário de Justiça e Cidadania, Wallber Virgolino informou que o agente foi afastado por dois meses enquanto transcorre a sidicância e o vídeo será anexado ao processo que o mesmo responderá. 

Ainda de acordo com o secretário se for comprovado o envolvimento do agente penitenciário na fuga do detento, ele será responsabilizado administrativamente e criminalmente. 

Wallber enfatizou que a Sejuc não admite corrupção no sistema e garante que 99% dos agentes penitenciários são homens e mulheres que desempenham com honestidade e honradez suas funções e considera a atitude do agente supostamente envolvido como um caso isolado.

"Quem faz acordo com bandido é considerado bandido também e o estado do Rio Grande do Norte e seu povo merecem respeito, e iremos cobrar essa respeitabilidade”, acrescentou o secretário.

 G1RN

Via: O Câmera

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.