Seguidores

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Município de Riacho da Cruz/RN vive pior crise hídrica de sua história

Ainda que a falta de chuva tenha contribuído, falta de planejamento e a cultura de abundância são causas determinantes para o agravamento da crise hídrica no município.
O volume operacional de água armazenada no reservatório que abastecem as cidades de Riacho da Cruz, Viçosa e Portalegre, atingiu sua menor capacidade em toda sua existência. Dessa forma, o município de Riacho da Cruz passa pela maior crise hídrica de sua historia. O açude de Riacho da Cruz, responsável pelo abastecimento de água destes municípios será insuficiente para suprir a demanda de abastecimento.

O colapso no abastecimento de água potável nos municípios já é uma realidade concreta, as imagens registradas nesta ultima quinta-feira, 28 de abril, pelo Mural, revelam a triste realidade e a péssima qualidade da água esverdeada, e que, exala um mal cheiro.

Sem chuvas para melhorar a oferta do líquido, a população dos três municípios, que somam mais de 12 mil habitantes já sofrem com a falta d’água.

Em Riacho da Cruz é visível o sofrimento dos moradores com a falta d’água nas torneiras, e o pouco que vem em dias alternados da semana já não apresenta uma boa qualidade. Apresenta uma com esverdeada e exala um cheiro ruim

A falta de chuva contribuiu, juntamente com a falta de planejamento e a cultura de abundância (desperdício) são as causas determinantes para essa crise hídrica no município.
 
O Mural de Riacho da Cruz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.