Seguidores

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Felipe Alves marca mais Joinville fica no empate no clássico contra o figueirense


PC cita distração e cansaço após início positivo: "Até que foi bom resultado"

Após empate na Arena, técnico diz que apenas o JEC jogava no começo do duelo, mas pontuou a queda de rendimento após expulsão: "Não tinha perna para agredir"

  GloboEsporte.comJoinville, SC
Sereno e crítico, PC Gusmão fez sua análise do desempenho do Joinville após o empate em 1 a 1 na Arena Joinville. Em jogo com duas expulsões, uma para cada lado, os cartões tiveram influencia direta sobre seu time, segundo o treinador, que não citou o árbitro na avaliação. Para o comandante, após um início muito forte, com apenas "um time jogando", a expulsão alterou completamente o panorama contra o Figueirense, na noite desta quarta-feira. Atuar boa parte do jogo com um a menos atacou fisicamente e tecnicamente a maioria de seus comandados. Ele enfatizou, porém, o predomínio sobre o rival enquanto havia 22 jogadores em campo.

- Antes da expulsão só tinha um time jogando, o outro correndo atrás, a gente mais organizado o segundo gol estava prontinha para sair. Ai teve a expulsão, ai não dá... Jogar com uma equipe de qualidade com menos um é muito difícil. No intervalo tivemos a perda do Naldo com tornozelo inchado, ai o Mario Sergio pendurado... Fizemos três mudanças com 20 minutos do segundo tempo. Sente, sente mesmo (o cansaço), tanto que quando houve a igualdade o time não tinha perna para agredir. Ai o Figueirense trabalhou bola, criou situações de gol, é uma grande equipe, todos sabem que é um dos favoritos, tem maior investimento, essa é minha visão do jogo. Mas até a expulsão só tinha um time jogando e procurando o gol que era a gente.


O cansaço, segundo PC, foi primordial para a pressão final do rival na Arena Joinville. O técnico enfatizou a queda de rendimento do seu armador, Gustavo Sauer, depois que o camisa 10 precisou ajudar mais na marcação. Ele ainda citou as diversas saídas de bola erradas, estas também creditadas a dificuldade de raciocínio por falta de gás.

- Então, no final, com todas circunstância do jogo, o empate até que foi um bom resultado.
PC Gusmão (Foto: João Lucas Cardoso/JEC)PC Gusmão, após a partida (Foto: João Lucas Cardoso/JEC)
 Vejas os principais pontos da coletiva abaixo:

GUSTAVO SAUER
Ele em crescendo, mas ai é o que eu digo, está no momento bom, mas tem que sacrificar para fazer a ponta e correr atrás de lateral. Fazer isso com um armador, jogador que cria, é até desumano. Quando teve de novo a responsabilidade de criar já estava desgastado. Mas ele vem crescendo, é um grande jogador, está ganhando ritmo, confiança, tem tudo para crescer bastante.

ANSIEDADE PRECOCE
- É difícil de fora entrar no campo e passar para eles (se acalmarem), até porque se você ver, é um time jovem, quando viram que tinham possibilidade de definir o jogo, partiram para cima. Fizeram tudo com intensidade, criaram bastante, infelizmente não fizemos (o segundo), ai sofremos gol, sofremos expulsão... Então, no final, com todas circunstância do jogo, o empate até que foi um bom resultado.

SAÍDAS ERRADAS, FALTA DE GÁS
Já influencia o cansaço, a coordenação, quando você tem o equilíbrio de oxigênio, você tem coordenação melhor, eles não estavam mais para poder fazer o que a gente treina, posse de bola e coordenação, trabalho de passe, não estava, e queriam fazer. Se não me engano o Figueirense chegou com três bolas com a gente errando, Donato errou, Danrlei, Diego, Mário Sergio... tudo com bola no nosso pé. influencia muito nisso, eu estava conversando com eles, erramos bastante e não pode erar. então é um ponto que vamos ter que corrigir em pouco tempo até o jogo contra o Criciúma.

VACILO NO GOL
Também é distração. Já vou entrar em outro ponto. Acreditaram (os jogadores do JEC) que iam ganhar a primeira bola, quando foram reagir já estavam sendo contra-atacados nesse lance. Houve distração, principalmente no sistema defensivo, que é um setor que geralmente está atento. Outro ponto que temos que trabalhar bastante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.