Seguidores

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Ex-integrante da quadrilha dos carneiros é assassinado em Alcaçuz



Um detento do presídio de Alcaçuz foi encontrado morto, na noite desta segunda-feira (21) na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta. Ele foi identificado como Rogério Dias Sabino, vulgo “Pipoca”, que era um dos remanescentes da quadrilha dos Carneiros. O corpo foi encontrado com o rosto ensanguentado, com vários hematomas e com uma corda artesanal no pescoço.


O corpo do detento foi retirado pelos outros internos da parte interna do Pavilhão 1 ao pátio externo, dentro de um carro de mão até a perícia do ITEP e dos policiais da Divisão de Homicídios e Proteção da Pessoa de Natal, para os procedimentos de praxe.


Os agentes ainda questionaram que teria cometido o crime, mas não se surpreenderam com a resposta dos detentos. “O que acontece aqui, morre aqui!”, afirmou um dos detentos daquela unidade.


A Vítima


Rogério Dias foi um dos alvos da Operação Barreiros, realizada nesta sexta-feira (19) e chegou a assinar um mandado de prisão mesmo já estando preso.


Via Jota Lourenço/ Patu em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.