Seguidores

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Polícia informa que uma pessoa próxima a "Chico das Redes" articulou latrocínio

Da redação do Mossoró Hoje

Agentes da Delegacia de Furtos e Roubos de Mossoró (Defur) apreenderam na tarde desta quarta-feira, 4, um adolescente de 16 anos acusado de ter participado da morte do comerciante Francisco Fausto dos Santos, mais conhecido como “Chico das Redes”, de 37 anos. O crime ocorreu na última quinta-feira (29), no bairro Santo Antônio.

Segundo o chefe de investigações da Defur, Natan Carvalho, a polícia conseguiu localizar e apreender o adolescente depois de averiguar, através de câmeras de vigilância, as características da motocicleta, do capacete e das roupas utilizadas pelos assaltantes.

Natan acrescentou que a equipe conseguiu a identificação dos dois e, em seguida, realizou diligências na tentativa de localiza-los. “Tivemos informações sobre os suspeitos e, ao chegarmos até a casa da namorada de um deles, encontramos a moto utilizada no crime, e em seguida o menor foi detido e resolveu confessar o crime”, disse.

À polícia, o menor confessou detalhes sobre o assalto. Ele informou que pilotava a motocicleta utilizada na ação, porém, o outro adolescente que se encontra foragido teria atirado contra “Chico das Redes.

Durante o assalto ao supermercado, os ladrões levaram dinheiro, valor que ainda não foi divulgado oficialmente pelos agentes.

Ainda segundo informações, uma terceira pessoa, que está sendo investigada, teria repassado detalhes do comerciante. Para a polícia, essa pessoa seria muito próxima da vítima. “Durante as investigações, o adolescente teria dado o nome de outra pessoa que teria passado a "fita" para que eles pudessem fazer esse assalto no supermercado”, complementou Natan.

A Polícia Civil não revelou mais detalhes da participação dessa terceira pessoa, alegando que ainda está em fase de investigação, juntamente com o outro menor de idade que teria efetuado os disparos durante a perseguição.

Já o adolescente detido nesta quarta, foi encaminhado à DEA - Delegacia Especializada de Atendimento ao Adolescente Infrator, e após ser ouvido pelo delegado, foi liberado. Ele se comprometeu em prestar depoimento novamente nos próximos dias.

Comerciante "Chico das Redes" foi morto após perseguir os criminosos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.