Seguidores

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Prefeitura de Umarizal cobra na justiça mais de 400 mil reais dos ex-prefeitos Rogério Fonseca e Mano Onofre

A Prefeitura Municipal de Umarizal (PMU), acatando recomendação do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte (TCE/RN), protocolou na tarde desta quarta-feira (22), um processo de execução em face dos ex-gestores Rogério Fonseca e Mano Onofre, por falhas ocorridas nas respectivas gestões, totalizando mais de R$ 400 mil.


De acordo com o TCE/RN, o ex-prefeito Rogério Fonseca (2004 – 2011) foi condenado em três processos administrativos, de nº 015779/2016, 012497/2016 e 016824/2014, à ressarcir os cofres municipais no valor que somado é superior a R$ 258.856,55 acrescido de multas e correção monetária.


Já o ex-prefeito Mano Onofre, que foi afastado do cargo em 2014 e passou pouco mais de 1 ano e meio à frente da municipalidade, foi condenado pelo órgão estadual de contas em um único processo administrativo, de nº 11698/2014, a ressarcir ao Erário Público, o montante de R$ 156.245,38, também acrescido de multas e correção.


Ainda segundo o TCE/RN, todo esse valor que será devolvido ao município, é fruto de má gestão de ambos os ex-gestores e que representaram consideráveis perdas nos investimentos municipais e que refletem diretamente na qualidade dos serviços prestados à população umarizalense.


Fonte: http://bloghermesneto.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent Visitors